sexta-feira, 2 de janeiro de 2009

Mais uma de Revellion

Como não poderia deixar de ser. neste Revellion fui a praia. Para falar a verdade fui até a praia para fazer as tais simpatias de fim de ano, pular ondas e escrever uma crônica. No entanto na quarta feira quando saímos de casa, nos deparamos com um engarrafamento enorme. demoramos muito até chegar na praia.





Quando chegamos pouco antes da meia noite. Eu estava enlouquecido, a casa estava toda desarruma e não tínhamos nem começado a preparar a ceia. Já no primeiro dia do ano tive um desentendimento com minha namorada e ainda por cima não consegui escrever minha crônica de ano novo, então pensei: " Parece que este ano vai ser difícil".




O que lhes trago aqui é que foi a viagem mais maravilhosa de fim de ano que eu já fiz. Você se pergunta: "como assim"? eu prontamente respondo, e com um sorriso nos lábios, é claro meu amigo pense bem terminei meu ano enfiado no carro por mais de três horas com os meus familiares, e foi incrível, há muito tempo não conversávamos e acabei por me lembrar de ótimas histórias da minha infância. Quando chegamos na praia tivemos que limpar a casa para poder passar o revellion e degustar a ceia. nunca foi tão divertido limpar uma casa, estavamos brincando, nos molhando e rindo bastante, nem parecia faxina. Não tínhamos ceia convencional; porco, lentilha, abacaxi (abacaxi teve). todavia tínhamos aquela alegria espantável e nem percebemos que a ceia não estava ali, afinal de contas ela é mera coadjuvante. Por fim tive um desentendimento com a minha namorada, nesse ponto você pensa, viu só deu mer**. não pois eu vi ai que tudo tem o seu lado positivo. Certamente tudo vai acabar bem. não sei o desfecho desta história ainda.




O desfecho principal da história é que: por todos problemas que passei, e as confusões, não tive tempo de escrever nada. foi neste momento que me dei conta que tudo já estava escrito. A verdade é que se eu tivesse tido uma ceia tranquila( sem trema?) e comum não teria dado valor as coisas que realmente importam na vida. e teria uma crônica igual a todas que fazem no ano novo.


O que desejo a vocês do fundo do meu coração é que passem por muitas "indiadas" nesse novo ano. Pois só assim conseguimos nos desfazer de tabus, crenças e superstições bobas. façam festa alegrem-se, mas se lembrem porque comemoram.




feliz 2009 a todos!

3 comentários:

Eduardo Osorio disse...

Que aventura hein!
Dale CHO!
Feliz ano novo meu

Thais Crestani disse...

É reveillon nada convencional, mas que bom que foi divertido.
É esses são os poucos momentos que depois deitamos na cama e vemos qua as convenções não importam, o que importa na realidade é a felicidade.Do que adianta a lentilha, o porco, as ondas, se não estivermos ao lado de quem é importante e relembrar momentos importantes da nossa vida, que ficaram escondidinhos na nossa memória.
Feliz 2009 pra vcs!Bejus

alibra disse...

Lindo! :D
Feliz ano noovo Gui ;)

Postar um comentário